Disney x Netflix | O que se sabe até o momento do rompimento das empresas?
Preloader

Como já foi comentado essa semana, a Disney e a Netflix estão se desvinculando.

A Disney decidiu lançar o próprio canal de Streaming, que entrará em vigor em 2019, sendo assim, decidiu encerrar a parceria com a Netflix.

Segundo o anúncio feito na terça-feira pela Disney, o serviço será focado nas animações da Disney e da Pixar, porém deve ter novos conteúdos em live action, também.

Inicialmente o conteúdo será dos filmes da Disney, da Pixar, as animações do Disney Channel, Disney Junior e Disney XD. Tem previsão de criação de outros programas exclusivos da Disney, como programas de TV, filmes originais, entre outros.

Mas os fãs da Lucasfilm e da Marvel podem respirar aliviados, já que não há nenhuma previsão da Disney de romper a parceria com a Netflix para as séries originais da Marvel, segundo o CEO da Disney, Bob Iger, os conteúdos produzidos em conjunto não vão a lugar nenhum. Fora que, até o presente momento, apenas o conteúdo infantil estará no serviço de Streaming criado pela Disney, até porque os conteúdos, tanto da Lucasfilm, quanto da Marvel, foram citados como presentes no projeto da empresa.

Enquanto isso, do lado da Netflix, a empresa tenta negociar com a Disney a possibilidade de manter o conteúdo Star Wars e Marvel em seu catálogo. Em entrevista à Reuters, Ted Sarandos, diretor de conteúdo da Netflix, disse que há a intenção da Netflix de manter o conteúdo da Lucasfilm e da Marvel e que estão em discussão ativa para que isso aconteça.

Porém, Bob Iger não disse nem que sim e nem que não. Para ele é algo a ser estudado, pois o conteúdo pode ir à Netflix, ou pode ir a um outro serviço de Streaming. Especula-se que com o crescimento de número de séries e filmes da Marvel e Lucasfilm, que esse “outro serviço de streaming” possa vir a  ser um outro serviço criado pela Disney exclusivamente para estes conteúdos.

O que não se sabe é em como essa decisão da Disney afetará o mundo, já que o serviço criado pela empresa tem previsão de distribuição apenas nos Estados Unidos, bem como a parceria com a Netflix foi rompida, até a presente data, apenas para esse país.

Ou seja, até o momento, para nós no Brasil continua tudo como está. A não ser que a Disney resolva expandir seus serviços para o mundo todo.

O que nos resta é aguardar uma nova posição da Disney e uma possível posição da Netflix no que diz respeito à distribuição mundial do conteúdo Disney.

Fontes: Comicbook.com e Exame

About the Author

Apaixonada por quadrinhos, animações e tudo relacionado à cultura pop. Escritora ávida e leitora mais ávida ainda. Sejam bem-vindos, mas não se sintam em casa. Sejam educados, por favor!

%d blogueiros gostam disto: